Como gerir ciúmes entre irmãos? Dicas aceitam-se. - Birras em Direto

Como gerir ciúmes entre irmãos? Dicas aceitam-se.

Os ciúmes do Rafael ainda não chegaram, mas parte-me o coração saber que não consigo dar-lhe a atenção que ele quer.

O meu pai vai busca-lo todos os dias à escola e todos os dias ele janta na casa dos meus pais, uma ajuda fundamental que nos permite ter tudo ainda mais organizado. Chega à nossa casa por volta das 19h30 / 20h e quer logo brincar connosco, mas nem sempre é possível por causa dos manos. Para tentar contornar esta situação, tentamos fazer com que o Rafael também faça parte destes momentos em que tratamos dos gémeos. Estamos conscientes que não é suficiente, porque uma criança da idade dele precisa de brincar mesmo, mas não deixa de ser uma tarefa em que estamos todos juntos e isso já nos deixa a todos bem mais felizes.

Ele adora dar banho aos manos, mudar a fralda, dar o leite, entre outras coisas, mas sinto sempre que lhe falta algo. Às vezes vamos para a cama e, quando não consigo fazer o que me pede, recorro à televisão ou ao telemóvel para o entreter. Detesto admitir isto, porque é algo que não gosto, mas acontece.

Perco a noção de quantas vezes ele diz “Não brincas comigo porquê?” ou “Hoje ainda não brincaste comigo”, agora imaginem isto vindo de uma criança de três anos, com aquela cara triste que vocês sabem, e depois vai sozinha para o quarto. Ahhhhh!! Eu não aguento…

Durante a semana é sempre mais complicado dar-lhe a atenção que quer, mas ao fim-de-semana compensamos sempre e um de nós sai só com ele por algumas horas. Acho que é importante dedicarmos um tempo exclusivo para cada filho.

O Rafael está muito contente por ter dois irmãos, acreditem, mas enquanto eles ainda não interagem com ele não há muito que o possa entreter. Estou ansiosa que essa altura chegue, embora saiba que também chegarão as brigas entre irmãos segundo o que algumas de vocês me contam. Não é nada fácil, certo?

Partilho convosco esta história exatamente por saber que é complicado para as mamãs que não têm apenas um filho gerir este tipo de situações e, ao mesmo tempo, queria pedir-vos algumas dicas para tentar lidar ainda melhor com tudo isto. Fico à espera 🙂

Beijinhos

Estou à tua espera também no Instagram e no Facebook 

Só tens de me seguir 
🙂

Lê também estes Artigos

1 Comentário

  • Bela 4 meses ago Responder

    Só pelo facto da preocupação e inclusão nas tarefas parece me que estão a fazer tudo bem. É complicado ao inicio mas depois tudo se ajusta. Eu só tive 1 filho no verão e com o meu mais velho de 8anos em casa férias não consegui dar lhe quase nenhuma atenção e só tinha 1 imagino 2, mas preocupamos nos e compensanos de outras maneiras. Agora com bebe com 4 meses já saímos mais e fazemos coisas que só o mais velho gosta. Com tempo tudo se agenta e com 2 bebés ainda conseguirem sair com ele a sós é de muito valor. À pais que não o fazem.. Gosto muito de te seguir e noto que são excelentes pais. Muitas felicidades

Deixar Resposta